Petrobras anuncia operação de "grande sistema de produção" no pré-sal

Nielmar de Oliveira - Repórter da Agência Brasil

Petrobras iniciou produção de petróleo e gás natural do projeto Lula Central na área do pré-sal da Bacia de Santos. Estabilização da produção foi feita com a extração de 30 mil barris por dia EBC

A Petrobras iniciou na última sexta-feira (8) a produção de petróleo e gás natural do projeto Lula Central, décimo "grande sistema definitivo de produção" a entrar em operação na área do pré-sal da Bacia de Santos. Segundo nota divulgada hoje (12) pela estatal, ontem (11), a empresa concluiu a estabilização da produção do novo sistema, com a extração de cerca de 30 mil barris por dia (bpd).

As informações oficiais indicam que esse é o segundo sistema a entrar em operação este ano na região. A nota ratifica, ainda, informações de que a produção de petróleo nessa camada geológica nas Bacias de Santos e Campos já responde por cerca de 40% do total da produção no país, que - no dia 8 de maio último - superou o patamar diário de 1 milhão de barris de petróleo por dia.

Localizado no Campo de Lula, na costa norte do Rio de Janeiro, o sistema está interligado à plataforma Fpso (unidade flutuante de produção, estocagem e transferência de petróleo e gás natural) Cidade de Saquarema, através de um novo poço produtor.

A unidade tem capacidade para produzir diariamente 150 mil barris de petróleo e comprimir até 6 milhões de metros cúbicos (m³/dia) de gás natural, estando ancorada em área com lâmina d'água de 2.120 metros de profundidade.

O escopo completo do projeto Lula Central inclui 18 poços, sendo nove produtores, quatro injetores WAG (água ou gás) e cinco injetores de água.

"A entrada de novos sistemas [de produção] e a manutenção do desempenho dos sistemas que já operam a plena capacidade - aliados ao crescimento da produção dos sistemas mais recentes - vêm contribuindo para os excelentes resultados alcançados no pré-sal" diz o comunicado.

Alta produtividade

Na avaliação da Petrobras, a alta produtividade dos campos do pré-sal é fruto, dentre outros fatores, da produtividade dos poços interligados no pré-sal da Bacia de Santos. "O volume expressivo produzido por poço nessa região, em torno de 25 mil bpd {barris por dia], está muito acima da média da indústria", explica a nota.

Isto faz, segundo informações da empresa, com que, dos dez poços com maior produção no Brasil, nove estão situados na área do pré-sal. "O mais produtivo está localizado no campo de Lula, com uma vazão média diária de 36 mil barris de petróleo".

Ainda de acordo com a Petrobras, "essa alta produtividade resulta em uma redução contínua do custo de extração, que atingiu um valor inferior a US$ 8 por barril no primeiro trimestre deste ano. Um resultado bastante significativo, se comparado com a média da indústria".

Hoje, o tempo médio para construção de um poço marítimo no pré-sal da Bacia de Santos, por exemplo, caiu 71% entre 2010 e 2016, passando de 310 dias em 2010 para 89 dias nos cinco primeiros meses de 2016, informa a empresa.

Para a Petrobrás, todos esses índices têm ajudado a consolidar a Bacia de Santos como um importante pólo produtor da companhia, já respondendo por mais de 70% da produção da camada pré-sal. "Somente no campo de Lula, o primeiro a produzir no pólo pré-sal daquela bacia, cinco grandes sistemas estão em operação, apenas dez anos após sua descoberta", diz a nota.

A área de Lula Central fica na concessão BM-S-11 (Bacia Marítima de Santos 11), onde a Petrobras é operadora com 65% de participação, em parceria com a BG E&P Brasil - companhia subsidiária da Royal Dutch Shell (25%) - e com a Petrogal Brasil (10%).

O Fpso Cidade de Saquarema, interligado ao sistema de produção de Lula Central, deixou o estaleiro Brasa, em Niterói, no dia 22 de maio, rumo à locação atual, a aproximadamente 300 km da costa do Rio de Janeiro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos