Polícia Federal prende três pessoas em São Paulo por fraudes no INSS

Elaine Patricia Cruz - Repórter da Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) prendeu hoje (12) em flagrante três pessoas acusadas de praticar fraudes no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Segundo a PF, as três pessoas foram presas na região do Glicério, no centro de São Paulo, com documentos falsos utilizados para induzir os peritos médicos a erro na obtenção do auxílio-doença.

De acordo com a PF, a fraude consistia na utilização de laudos médicos falsos, chapas de raio-X falsificadas e talas de gesso e faixas. Os presos fingiam lesões na clavícula e no punho para tentar obter o auxílio-doença. Se conseguissem obter o benefício previdenciário, o dinheiro seria dividido entre eles.

Os três foram autuados em flagrante e vão responder pela prática de crime de estelionato.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos