Ministério Público instaura inquérito sobre obra olímpica de hipismo no Rio

Vladimir Platonow - Repórter da Agência Brasil

 

.

Em nota divulgada nesta quinta-feira (14), o MP informou que a Zadar teria recebido do município R$ 66 milhões e a empresa Engetécnica, R$ 55,5 milhões para, respectivamente, concluir as obras de adequação do Centro de Hipismo e de construção do velódromo.

Foram expedidos ofícios requisitando informações da Prefeitura do Rio, da Empresa Olímpica Municipal (EOM) e da Empresa Municipal de Urbanização (RioUrbe) sobre essas sucessões contratuais.

A prefeitura do Rio foi procurada, mas até a publicação desta matéria não havia se pronunciado.

 

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos