Unidade de saúde referência para a Olimpíada ganha nova emergência

Da Agência Brasil

A prefeitura do Rio inaugurou hoje (20) a nova emergência do Hospital Municipal Rocha Faria, em Campo Grande, zona oeste do Rio. Totalmente reformada e ampliada, a unidade passou a se chamar Coordenação de Emergência Regional de Campo Grande. A partir de agora, o setor conta com alas exclusivas para atendimento de adultos (masculino e feminino) e crianças. 

A maternidade também ganhou uma entrada exclusiva. O hospital conta com novo espaço de acolhimento da família, com acesso climatizado e humanizado. A unidade é considerada uma das referências para atendimento durante os Jogos Rio 2016.

Para Eduardo Paes, a prefeitura teve de tomar conta da área de saúde porque a situação estrutural era "muito ruim"Arquivo/Tânia Rêgo/Agência Brasil

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, lembrou que a situação estrutural da unidade era "muito ruim" e, por isso, a prefeitura teve de tomar conta da área de saúde da zona oeste. Paes comentou também sobre uma visita do Ministério Público estadual em junho, quando foram encontrados 63 corpos abandonados no necrotério da unidade de saúde.

"O cenário daqui era muito ruim. Não dá para discordar das denúncias que o MP fez. Estava tudo muito ruim, fisicamente falando. Fizemos reformas em basicamente todas as áreas do hospital. Pelo relato do secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, os corpos já estavam aqui por muito tempo. Para a retirada, há toda uma burocracia natural nesses casos", disse.

Para Daniel Soranz, a verba investida na reforma não foi direcionada ainda para melhorias no necrotério. "Nossa prioridade foi o atendimento pessoal, isto é, dos pacientes. A partir de agora voltaremos nossa atenção para essa e outras questões."

Desde a municipalização, em janeiro deste ano, já foram investidos R$ 17,4 milhões em melhorias de estrutura e novos equipamentos no Rocha Faria, com reforma e climatização das enfermarias e da emergência, além da aquisição de novos equipamentos e mobiliário. Cerca de 11 mil pacientes devem ser beneficiados com a melhoria na unidade.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos