Correios definem esquema operacional diferenciado no Rio para os Jogos Olímpicos

Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil

 

Faltando quase uma semana para o início dos Jogos Olímpicos Rio 2016, os Correios definiram um esquema operacional diferenciado para entregas no Rio de Janeiro, que começará a funcionar na próxima quinta-feira (28). "Nós promovemos alguns ajustes na nossa logística, de forma a minimizar o impacto da realização dos jogos para os nossos clientes", disse hoje (26) o diretor regional dos Correios no estado do Rio de Janeiro, Everton Luiz Cabral Machado.

As medidas adotadas incluem a suspensão, para entrega no Rio de Janeiro, dos serviços Sedex 10, Sedex 12 e Sedex Hoje durante os jogos. Serão acrescentados dois dias úteis aos prazos-padrão dos serviços expressos (Sedex, e-Sedex, Malote e Remessa Expressa) e três dias aos prazos originais dos serviços não expressos, entre os quais Encomenda Econômica (PAC), Remessa Econômica e Carta Registrada.

"Com isso, nós vamos conseguir prestar o serviço de Sedex, de encomenda PAC não expressa para todo o mercado do Rio de Janeiro, com exceção de uma região específica, definida pela prefeitura e pelos órgãos de segurança, onde haverá restrição absoluta na circulação de motos, vans e caminhões". As restrições de circulação no Rio de Janeiro foram estabelecidas pelo decreto municipal n.°41867/2016.

Essas áreas estão próximas ao Parque Olímpico e à Vila dos Atletas, na Barra da Tijuca, zona oeste da cidade; e ao Complexo Esportivo de Deodoro e aos estádios do Maracanã e Engenhão, zona norte, onde serão realizadas competições.

Machado salientou que não haverá descontinuidade na prestação do serviço de entrega de contas, faturas e boletos, entre outros, aos moradores do Rio de Janeiro. O diretor regional dos Correios explicou que esse aumento do prazo está atrelado à questão da mobilidade e de deslocamento na cidade durante os jogos.

O diretor regional acrescentou que a isso se soma uma questão pontual, que é a interdição de um conjunto de ruas no entorno dos lugares onde haverá competições, com restrição total de circulação, por questões de segurança.

Em uma ação preventiva, os Correios enviaram comunicado para os clientes, orientando que demandassem encomendas para endereços alternativos. "Porque, de 1º de agosto até o final dos Jogos Olímpicos, não haverá aceitação de postagem de encomendas para esses lugares, onde há interdição".


O compromisso regular dos Correios prevê entrega de todos os objetos durante os dias úteis, de segunda a sexta-feira. Everton Machado ressaltou, porém, que durante o período de contingência, quando haverá um prejuízo de mobilidade para todos, a empresa vai trabalhar nos sábados, domingos e feriados, de maneira ininterrupta. Em todo o estado do Rio de Janeiro, o contingente de carteiros dos Correios alcança seis mil trabalhadores, a maioria dos quais se encontra na região metropolitana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos