Segurança é suspeito de estuprar bombeira no Velódromo da Rio 2016

Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil

Um segurança que trabalha no Velódromo do Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, foi preso ontem (31), em flagrante, suspeito de estuprar uma funcionária da brigada de incêndio da instalação esportiva. O homem trabalha para uma empresa que presta serviço para o Comitê Organizador Rio 2016.

Segundo a Polícia Civil, a bombeira civil estava dormindo no alojamento, dentro do Velódromo, quando foi atacada durante a madrugada. Como a vítima não teve condições de oferecer resistência, o homem foi autuado pelo crime de estupro de vulnerável.

Ele foi detido por agentes da Força Nacional de Segurança e conduzido à Delegacia de Polícia Civil da Barra da Tijuca (16a DP).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos