Deflação desacelera para -0,1% em julho na Itália

Da Ansa Brasil

O índice de deflação na Itália desacelerou em julho e os preços para os consumidores diminuíram em -0,1%, uma taxa -0,3% menor que a registrada em junho, informou hoje (11) o Instituto de Estatísticas Italiano (Istat). O aumento dos preços em relação a junho deveu-se principalmente a fatores sazonais de serviços relacionados com os transportes (+ 2,5%) e gastos recreativos, culturais e pessoais (+ 0,7%), que ocorrem no verão no hemisfério norte.

A economia Itália, que voltou a crescer em 2015 após anos de recessão, também registrou períodos de deflação no ano passado e em 2014. Para analistas, o saudável para um país é uma inflação de entre 1% e 3% para manter a economia em atividade e para afugentar o medo de crise.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos