Presidente do Comitê Olímpico da Irlanda é transferido para presídio no Rio

Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil

O presidente do Comitê Olímpico da Irlanda, Patrick Joseph Hickey, foi transferido hoje (19) para o complexo penitenciário de Bangu, na zona oeste do Rio de Janeiro. Hickey, que também é membro do Conselho Executivo do Comitê Olímpico Internacional (COI) e da Comissão de Coordenação dos Jogos Rio 2016, foi preso na última quarta-feira (17) por suspeita de venda ilegal de ingressos.

Ele estava internado no Hospital Samaritano, na Barra da Tijuca, desde o dia em que foi preso, já que passou mal no momento em que os policiais civis deram voz de prisão, no hotel onde estava hospedado.

Segundo a Secretaria Estadual de Administração Penitenciária, Hickey está preso na Cadeia Pública José Frederico Marques, uma unidade de triagem prisional conhecida como Bangu 10.

Hickey é investigado junto com outros cinco diretores da empresa britânica THG, especializada na hospitalidade de torcedores e revenda de ingressos, e três executivos da empresa irlandesa Pro10 Team, autorizada pelo COI para revender ingressos para a Rio 2016. Eles são suspeitos de venderem os ingressos acima do preço permitido.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos