Papa Francisco lamenta atentado que deixou 50 mortos na Turquia

Da Agência Ansa

O papa Francisco lamentou hoje (21), durante a missa do Angelus, o atentado que deixou ao menos 50 mortos e quase 100 feridos em Gaziantep, uma das maiores cidades da Turquia. O pontífice pediu que os fiéis rezem pelas vítimas do ataque.

"Chegou até mim a triste notícia do sangrento atentado que ontem atingiu a querida Turquia. Rezemos pelas vítimas, pelos mortos e pelos feridos e peçamos o dom da paz para todos", disse, rezando, em seguida, a Ave Maria.

O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, disse que um jovem com idade entre 12 e 14 anos, jihadista do Estado Islâmico, é o autor do ataque suicida que ocorreu em uma festa de casamento neste final de semana, devastando o local onde a celebração era realizada. Até agora, nenhum grupo reivindicou a autoria do ataque.

O país tem sido palco de uma série de ataques desde o final do ano passado. A maioria dos atentados teve a autoria reivindicada por terroristas do Estado Islâmico ou por militantes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), que lutam pela independência da região.

O ataque durante a festa de casamento foi registrado pouco mais de um mês após uma tentativa fracassada de golpe de Estado contra Erdogan que complicou o cenário político turco.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos