PM reforça policiamento em comunidade do Rio depois de tiroteios

Da Agência Brasil

A Polícia Militar reforçou o policiamento no Morro do Turano, em Rio Comprido, na zona norte da cidade. No final de semana, houve intenso tiroteio entre grupos criminosos rivais que disputam o controle dos pontos de vendas de drogas da favela, que está ocupada por Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) desde outubro de 2010.

O policiamento foi reforçado pelo Batalhão de Operações Especiais (Bope), Batalhão de Choque, Grupamento Aeromóvel e Grupamento de Intervenções Táticas (GIT) da UPP.

Durante as ações de varredura feitas durante o dia de ontem, policiais da UPP impediram a passagem de criminosos pela Avenida Paulo de Frontin e houve confronto. Um homem foi baleado e levado para o Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro, mas não resistiu aos ferimentos. A Divisão de Homicídios está investigando o caso.

Dois fuzis foram apreendidos na ação. Duas pessoas que estavam próximas ao local também ficaram feridas e foram medicadas na mesma unidade hospitalar, sendo liberadas em seguida.

Em outro ponto da via, equipes do 4º Batalhão de Polícia Militar (São Cristóvão) prenderam um homem suspeito de render o segurança de uma empresa. Ele estava com uma pistola calibre 9mm, quatro carregadores e um rádio transmissor.

O policiamento permanece reforçado por tempo indeterminado na região e não há registro de novos confrontos nesta manhã (12). A Escola Estadual Herbert de Souza está fechada hoje devido aos riscos de confronto armado na região, segundo a Secretaria Estadual de Educação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos