Beatriz Carneiro fica em quinto lugar nos 100 metros peito categoria SB14

Cristina Indio do Brasil - Repórter da Agência Brasil

A nadadora brasileira Beatriz Carneiro participou da final feminina dos 100 metros peito na categoria SB14, para nadadores com deficiência intelectual, e ficou em um quinto lugar bastante comemorado. "Emocionei, gritei, chorei e não sei o que faço agora", disse após a prova.

Beatriz, que tinha se classificado para a final com o tempo de 1:22.31, nadou na raia 2 e terminou com o tempo de 1:21.66. O tempo mais baixo foi comemorado pela paratleta. "Quem sabe em Tóquio, né? 1:19", disse.

Na final, Beatriz Carneiro conseguiu abaixar o tempo que fez nas classificatóriasCristina Indio do Brasil/Agência Brasil

A brasileira nadou ao lado da sueca Pernilla Lindberg e da britânica Bethany Firth, que acabou ficando com a medalha de prata. A de ouro foi conquistada pela espanhola Michelle Alonso Morales. Com o tempo de 1:12.62 ela bateu o recorde paralímpico que era 1:13.05.

Quando o nome de Beatriz apareceu no painel, antes do início da final, a torcida nas cadeiras do Estádio Aquático Olímpico, no Parque Olímpico, se amimou. O barulho aumentou no momento em que a paratleta entrou no local de competição. Beatriz fez gestos de agradecimento ao apoio que estava recebendo do público. "Toda a vez que eu vou competir eu levanto a torcida. Isso é bom demais. Ajuda, é muito emocionante e eu adoro isso", disse.


 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos