Definido segundo turno em São Luís; Edivaldo e Eduardo disputam a prefeitura

Da Agência Brasil

Os candidatos Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e Eduardo Salim Braide (PMN) vão disputar o segundo turno das eleições em São Luís. Edivaldo teve 45,66% dos votos válidos e Eduardo Salim Braide teve 21,35% dos votos válidos.

Até agora, foram apuradas 99,9% das urnas.

Edivaldo Holanda Júnior (PDT)

O empresário Edivaldo Holanda Júnior tem 38 anos, é o atual prefeito de São Luís e busca a reeleição pelo PDT. Antes de chegar à prefeitura, em 2012, Holanda Júnior foi vereador por São Luís de 2005 a 2010. Foi reeleito em 2008 e afastou-se do cargo para concorrer a uma vaga na Câmara dos Deputados. Elege-se, então deputado federal com 104.015 votos, o mais votado na cidade de São Luís.

Em 2012 candidatou-se a prefeito da cidade. Foi para o segundo turno com o então prefeito de São Luís, João Castelo. Mesmo tendo menos votos que Castelo no primeiro turno, consegue desbancar o adversário e se eleger prefeito com 56,06% dos votos válidos.

Na ocasião, Holanda Júnior teve apoio de Flávio Dino, então presidente da Embratur e ex-deputado federal pelo Maranhão. Agora, Dino é o governador do estado e afirmou não apoiar nenhum candidato. Segundo ele, a máquina do governo "seguirá servindo a todos os maranhenses, e não aos interesses de um só grupo político".

Eduardo Braide (PMN)

Eduardo Salim Braide é deputado estadual pelo PMN. Nasceu em São Luís. É advogado, formado em direito pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Eduardo Braide foi diretor-presidente da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) de 2005 a 2006 e vice­presidente nacional da Associação das Empresas de Saneamento Básico Estadual, no mesmo período.

Entre os anos de 2009 e 2010, Eduardo Braide exerceu o cargo de secretário municipal do Orçamento Participativo de São Luís.

Deputado estadual em 2010 com 26.792 votos pelo PMN, foi o 2° vice­presidente da Assembleia Legislativa, no biênio 2013/2014. Assumiu a presidência do partido no estado do Maranhão em julho de 2012.

Em 2014, Eduardo Braide foi reeleito deputado estadual com 47.519 votos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos