Justificativa de ausência no Distrito Federal pode ser feita até as 17h

Paula Laboissière - Repórter da Agência Brasil

Brasília - Eleitores que estão fora do domicílio eleitoral justificam a ausência na votação, em um posto localizado em um shopping no centro da capital federalAntonio Cruz/ Agência Brasil

A aposentada Zuleide Leal, de 68 anos, mora em Brasília há 20 anos. Natural de Campina Grande (PB), sempre que pode, ela retorna à cidade natal durante o período eleitoral para votar. Este ano, entretanto, precisou justificar o voto. "As coisas ficaram mais difíceis. As passagens estão caras, não está mais tão fácil", explicou.

Apesar da idade, Zuleide precisou encarar uma longa fila para justificar a ausência da votação. A grande movimentação de pessoas, entretanto, não incomodou a aposentada. "A fila está grande, mas bem rápida. O processo parece fluir muito bem por aqui", disse. Tamanho o bom humor de Zuleide que ela sequer cogitou "furar fila" - o marido chegou mais cedo e estava melhor posicionado justificar a sua ausência na votação no primeiro turno da votação.

"Não me importo em esperar. Já imprimi o documento para justificativa no computador. Agora é só assinar. Essas coisas facilitam a vida da gente."

A fisioterapeuta Cris Freitas, de 45 anos, compareceu a um dos pontos de justificativa no Distrito Federal acompanhada do marido e do filho. A família é de Salvador (BA), mas mora há dez anos em Brasília. "Nas últimas eleições, me arrependi por não ter feito a transferência de título. Queria ter exercido meu poder de voto. Para as próximas, pretendo mudar isso", afirmou.

O marido de Cris, o empresário Paulo Pessoa, de 51 anos, concorda com a esposa. "Sabemos que o ideal é que a gente vote. Ainda mais agora, considerando o atual momento político brasileiro. Votar se tornou algo praticamente imprescindível. Justificar o voto já não me parece mais uma coisa tão boa", disse.

Pontos para justificativa

Os eleitores dos 26 estados da Federação que estiverem na capital federal no dia das eleições municipais terão disponíveis 11 locais para justificar o voto, das 8h às 17h. Em razão de sua organização político-administrativa, o Distrito Federal participa apenas das eleições majoritárias, para escolha de governador e deputados distritais.

Brasília - Eleitores que estão fora do domicílio eleitoral justificam a ausência na votação, na Rodoviária Interestadual Antonio Cruz/ Agência Brasil

Para justificar a ausência na votação, o eleitor deve apresentar um documento oficial com foto e o número do título de eleitor. Caso queira poupar tempo, a pessoa pode levar o formulário Requerimento de Justificativa Eleitoral já preenchido, mas só poderá assiná-lo no local, na presença do mesário. O documento está disponível no site do Tribunal Superior Eleitoral.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos