Decisões do TRE do Rio mudam resultados em Teresópolis e Nova Iguaçu

Vladimir Platonow - Repórter da Agência Brasil

Decisões tomadas na noite desta quarta-feira (5) pelos desembargadores do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) mudaram os resultados da eleição de domingo (2) nos dois municípios.

Em Teresópolis, o candidato a prefeito Mario Tricano (PP) teve o registro deferido pelo plenário, que aceitou recurso interposto contra sentença do Juízo da 38ª Zona Eleitoral. Com isso, Tricano tornou-se o primeiro colocado na eleição, já que a decisão tornou válidos os 35.100 votos recebidos por ele no domingo, o que o levou a superar o candidato Dr. Luiz Ribeiro (PMDB), que obteve 19.791 votos. Cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília.

Outra decisão dos desembargadores influiu na eleição em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. O TRE aceitou recurso para deferir as candidaturas de Rogério Lisboa (PR) a prefeito e de Ferreirinha (PT), seu vice. Com isso, o município terá segundo turno no próximo dia 30, já que Nova Iguaçu tem mais de 200 mil eleitores, e os 157.986 votos recebidos pela chapa em 2 de outubro não representam mais da metade dos votos válidos registrados na eleição majoritária. Ele disputará com Nelson Bornier (PMDB), que ficou em segundo, com 131.531 votos. Também cabe recurso ao TSE.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos