Agetrans investiga interrupção no atendimento aos usuários da SuperVia no Rio

Douglas Corrêa - Repórter da Agência Brasil

A Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários, Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro (Agetrans) abriu um boletim para apurar a qualidade do atendimento prestado no sistema de trens pela concessionária SuperVia.

A apuração está relacionada a uma paralisação do transporte ferroviário para os usuários dos ramais Saracuruna, Vila Inhomirim e Guapimirim, na Baixada Fluminense, na manhã de hoje (19), por causa de um furto de cabos de energia.

Aproximadamente 300 metros de cabos foram roubados durante a madrugada entre as estações Gramacho e Saracuruna, o que interrompeu a circulação nestes ramais. Os técnicos vão verificar os procedimentos adotados pela SuperVia para reestabelecer a normalidade do tráfego.

O sistema só voltou a funcionar às 10h40 e, devido à interrupção no trecho, milhares de passageiros foram obrigados a fazer baldeação ou pegar ônibus para se deslocar durante o horário de pico matinal do ramal de Saracuruna.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos