Apenas 11% dos municípios paulistas terão mulheres nas prefeituras

Flávia Albuquerque - Repórter da Agência Brasil

Um levantamento com os resultados do primeiro turno das eleições feito pela Procuradoria Regional Eleitoral em São Paulo (PRE-SP) mostrou que 72 municípios paulistas serão governados por prefeitas a partir de 2017. O número poderá subir para 73, dependendo do resultado da disputa no Guarujá, que tem uma candidata no segundo turno. Ao todo, o estado de São Paulo tem 645 municípios. Em 13 deles haverá segundo turno.

Segundo os dados do primeiro turno, 11,2% dos municípios paulistas terão uma mulher à frente do Executivo municipal, o que abrange 1.642.312 de paulistas, 3,66% da população do estado, que é de 44.872.544 de pessoas. Nesses municípios, votam mais de 1.224.801 eleitores (3,64% do eleitorado de São Paulo).

No caso de o Guarujá eleger a 73ª prefeita do estado no próximo dia 30, serão 1.955.733 cidadãos governados por prefeitas - 4,36% da população paulista - dos quais 1.450.302 são eleitores (4,44% do eleitorado do estado).

Os dados populacionais são estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para o ano de 2016, e os dados do eleitorado são os fornecidos pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Segundo o Censo 2010 do IBGE, 51% da população do estado de São Paulo é composta por mulheres. Entre as pessoas aptas a votar no estado, elas representam 52%.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos