Inflação acelera em São Paulo, diz a Fipe

Marli Moreira - Repórter da Agência Brasil

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) na cidade de São Paulo, acelerou na terceira quadrissemana ao passar de 0,02% para 0,18%. O avanço foi puxado, principalmente, por três dos sete grupos pesquisados: transportes (de 0,50% para 0,57%), despesas pessoais (de 0,28% para 0,64%) e habitação (de 0,06% para 0,15%).

Além disso, o grupo alimentação voltou a apresentar recuo médio menos expressivo (de -0,88% para -0,52%). Na primeira prévia do mês, os preços dos itens alimentícios tinham caído em média 1,02%. Entre os produtos que mais subiram estão a carne bovina (média de 2,63%) e os derivados do leite (0,92%).

Em compensação, no grupo saúde os preços permaneceram estáveis em 0,7% . Também não houve alteração significativa no grupo educação (de 0,9% para 0,08%) e, em vestuário, os aumentos mais uma vez perderam força. Nesta classe de despesa, a variação alcançou 0,63% ante uma alta de 1,15%, na segunda prévia do mês.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos