Abstenções, brancos e nulos 'vencem' 2o turno em seis municípios fluminenses

Vinícius Lisboa - Repórter da Agência Brasil

Em seis dos oito municípios do Rio de Janeiro onde houve segundo turno, os votos brancos, nulos e abstenções somaram mais eleitores do que os candidatos vitoriosos. A situação ocorreu na capital e em Niterói, São Gonçalo, Belford Roxo, Duque de Caxias e Petrópolis. As exceções foram Volta Redonda e Nova Iguaçu.

Na capital, onde Marcelo Crivella (PRB) venceu com 59,37% dos votos válidos, as abstenções superaram 1,3 milhão de eleitores, ou 26,85% do eleitorado. Entre os que compareceram, 15,90% votaram nulo e 4,18%, em branco. Com isso, a soma dos votos brancos, nulos e abstenções superou os votos dos dois candidatos a prefeito.

Em Niterói, a soma de quem não escolheu nenhum dos candidatos também superou o percentual do vencedor, Rodrigo Neves (PV), que recebeu 58,59% dos votos válidos. A abstenção chegou a 22,31% do total de eleitores, com 18,08% de votos nulos e 4,65% em branco. Assim, os eleitores que não escolheram nenhum candidato somaram 148 mil, enquanto o vencedor Neves recebeu 130 mil votos.

O fenômeno se repetiu em Duque de Caxias, em que mais de 226 mil eleitores não votaram ou votaram branco e nulo e o prefeito eleio Washington Reis (PMDB) teve o apoio de 217.800 eleitores.  Em Belford Roxo, a soma da abstenção e dos votos nulos e brancos somou 122 mil pessoas, superando o candidato eleito Waguinho, que venceu com cerca de 117 mil votos.

Em Petrópolis, o vencedor, Bernardo Rossi (PMDB) teve cerca de 79 mil votos, contra 94 mil eleitores que não escolheram nenhum candidato. O segundo maior colégio eleitoral do estado, São Gonçalo, repetiu o resultado, com 272 mil abstenções, brancos e nulos e 221 mil votos para o vencedor, Dr José Luiz Nanci (PPS).

Exceções

Volta Redonda teve o segundo turno com o menor percentual de votos nulos do estado (4,75%) e uma abstenção de 21,96%. Os eleitores que não optaram por nenhum candidato somaram 60 mil, enquanto o candidato venceror,  Samuca Silva (PV), recebeu 89 mil votos.

Em Nova Iguaçu, os 238 mil votos dados ao prefeito eleito Rogério Lisboa (PR), também superaram os mais de 211 mil eleitores que se abstiveram, votaram branco ou nulos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos