Uma em cada quatro cidades de SP tem lixões a céu aberto, diz TCE

Camila Boehm - Repórter da Agência Brasil

Fiscalização do Tribunal de Contas do Estado (TCE) de São Paulo apontou que pouco mais da metade (51,54%) dos municípios avaliados implantaram o Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos. Em 28,83% dos municípios, o plano está em fase de elaboração e 19,63% deles ainda não iniciaram a elaboração. Em 38 cidades (23,31%) há depósito de resíduos a céu aberto, os chamados lixões, ou seja uma em cada quatro cidades. O TCE fiscalizou um total de 163 municípios.

O tribunal constatou que a coleta seletiva dos resíduos urbanos é feita em 63,8% dos municípios. Em 34,97% das cidades existe unidade de triagem de resíduos e em 5,52% existe unidade de compostagem.

Sobre áreas de transbordo, 29,45% dos municípios têm tais espaços, ou seja, 48 cidades e 23 cidades não contam com licença de operação da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb).

Em 60,74% dos municípios, existem área de aterro, totalizando 99 cidades. Em 22 municípios não há licença de operação da Cetesb. Em 22 das cidades (13,5%), o tratamento de resíduos sólidos é feito antes do aterramento.

Segundo o tribunal, entre os municípios que levam os resíduos para aterros, poucos fazem algum tratamento do material antes de descartá-lo: reciclagem (19), compostagem (4) e reutilização (2).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos