Justiça decreta prisão de seis suspeitos de matar turista italiano

Da Agência Brasil

A Justiça do Rio de Janeiro decretou hoje (9) a prisão temporária de seis suspeitos de participarem do assassinato de um turista italiano ocorrido ontem, no Morro dos Prazeres, na zona sul da cidade. A Polícia Civil identificou sete suspeitos. Um deles tem menos de 18 anos.

A prisão temporária decretada pela juíza Maria Izabel Pena Pieranti, do plantão judiciário do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro tem validade de 30 dias.  A juíza Maria Izabel destacou a violência contra as vítimas e a repercussão do crime na vida dos moradores da cidade do Rio de Janeiro.

Segundo ela, a conduta dos indiciados não atingiu apenas o patrimônio, a vida e o direito de ir e vir das vítimas, mas também maculou o nome e a fama da cidade do Rio de Janeiro e, por via de consequência, de todo o Brasil, que ostenta alarmantes índices de criminalidade urbana.

O italiano Roberto Bardella, 52 anos, estava de moto, acompanhado de um amigo também italiano, que ocupava outra motocicleta, quando entrou por engano na favela, e foi morto a tiros.

Por causa do assasinato, a comunidade do Morro dos Prazeres amanheceu com presença de policiais na região. Segundo a Unidade de Polícia Pacificadora da região e a Polícia Militar, o Batalhão de Choque e o Batalhão de Ações de Cães estão patrulhando a área.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos