Chuva forte atinge o Rio e provoca transtornos no retorno da população para casa

Douglas Corrêa - Repórter da Agência Brasil

O Centro de Operações da Prefeitura do Rio de Janeiro informou que a cidade entrou em estágio de atenção às 18h30 desta segunda-feira, (12), devido a núcleos de chuva moderada a forte que atuam sobre o município e provocam pancadas em todo a cidade, na região metropolitana e também na Baixada Fluminense. A previsão para as próximas horas é de pancadas de chuva moderada a forte, acompanhadas de raios e vento moderado a forte.

Nos estágios de atenção e crise, de acordo com a prefeitura, os habitantes das áreas de risco devem se deslocar imediatamente para locais seguros. Os moradores de áreas de encostas devem ficar atentos para indícios de ameaça de deslizamentos. Quem estiver em área segura deve permanecer nestes locais até o cancelamento do alerta.

A prefeitura recomenda também que as vias urbanas que atravessam os maciços montanhosos da cidade e as áreas inundáveis sejam evitadas, bem como transitar em áreas alagadas e próximas a córregos, canais e rios sujeitos a transbordamentos.

Em casos de ventos fortes e chuvas com descargas elétricas, a recomendação é evitar ficar próximo a árvores, redes de distribuição de energia elétrica ou em áreas descampadas.

Transtorno

A Defesa Civil municipal recomenda que as pessoas que estejam em locais seguros evitem seguir para casa neste momento. O melhor é aguardar que a chuva diminua de intensidade. Os ônibus urbanos e intermunicipais estão atrasados no terminais rodoviários, devido à demora para chegar ao destino. Ainda chove forte em várias regiões do Rio e várias ruas e avenidas estão completamente intransitáveis.

A chuva atinge principalmente as Baías de Guanabara e Sepetiba, a Barra da Tijuca e Jacarepaguá, na zona oeste e a zona sul, no outro extremo da cidade. A Avenida Brasil, principal ligação dos bairros do centro com as zonas norte e oeste da cidade, está com vários trechos alagados. Em frente a Fundação Oswaldo Cruz, em Manguinhos, há duas faixas de tráfego interditadas, devido a bolsões d'água. Os motoristas que trafegam pela Avenida Brasil estão presos em alagamentos na região de Irajá e Vila Militar.

Os motoristas que seguem para a zona norte, seguindo pela Praça da Bandeira e Maracanã, estão trafegando com dificuldade, devido a grande quantidade de chuva. A Rua 24 de Maio, acesso ao bairro do Méier, está alagada em vários trechos.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos