Homem causa fechamento da ponte Rio-Niterói e tumulto no trânsito

Douglas Corrêa - Repórter da Agência Brasil

A ponte Rio-Niterói, que liga o Rio de Janeiro a Niterói, São Gonçalo e às praias da Região dos Lagos, ficou fechada hoje (11) por cerca de 40 minutos nos dois sentidos, pouco depois das 12 horas.

É que um homem subiu num pórtico perto da chegada na praça do pedágio e ficou sentado no alto dos travessões de ferro. A situação provocou um verdadeiro caos no trânsito na ponte nos dois sentidos.

Por medida de segurança, a concessionária Ecoponte foi obrigada a fechar a ponte nos dois sentidos, provocando um congestionamento que se estendeu às cidades de Niterói e São Gonçalo e outros municípios da região metropolitana e também na chegada ao Rio de Janeiro com reflexos na Avenida Brasil e região portuária do Rio.

Depois de meia hora de negociação, com a equipe de resgate da concessionária, o homem - cuja identidade não foi revelada - decidiu descer e foi levado por uma equipe médica da Ecoponte para um hospital público.

Reflexos

A ponte Rio-Niterói foi liberada por volta das 12h40, mas com reflexos graves no tráfego. A travessia dos quase 14 quilômetros da ponte é feita normalmente em 13 minutos. Com o incidente, os motoristas que se dirigiam a Niterói levaram 1h20 para fazer o percurso. No sentido contrário, o trajeto era feito em uma hora.

Agora, a situação está bem melhor e o motorista perde 25 minutos para chegar ao Rio e, no sentido Niterói, o percurso está sendo feito em 35 minutos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos