Chuvas deixam parte de São Paulo em estado de atenção

Camila Boehm - Repórter da Agência Brasil

A zona leste e parte da zona norte da capital paulista e a Marginal Tietê entraram em estado de atenção para alagamentos às 10h12 de hoje (21), de acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE).

O estado de atenção é decretado quando se considera que as chuvas têm potencial para a formação de alagamentos (precipitação intermitente ou contínua e/ou moderada à forte).

Na zona norte, o estado de atenção se estendeu às subprefeituras de Jaçanã/Tremembé, Santana/Tucuruvi, e Vila Maria/Guilherme.

Áreas de instabilidade associadas à presença da Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) estão se deslocando no sentido norte para sul, da região de Guarulhos e Mairiporã, para as zonas Leste e bairros da zona Norte que fazem divisa com Guarulhos, segundo o CGE.

Imagens do radar meteorológico mostram precipitação forte com pontos moderados nos bairros de Jaçanã, Tremembé, Vila Medeiros e Vila Maria. Na zona leste, o mesmo quadro é observado nos bairros de Ermelino Matarazzo, Vila Jacuí, Jardim Helena, São Miguel Paulista e Cangaíba.

Conforme previsão dos meteorologistas do CGE, as próximas horas seguem com tempo instável, com chuvas que podem atuar em outras regiões da capital paulista, com potencial para formação de alagamentos e transbordamentos de córregos e rios. A temperatura é de 20,9ºC em média.

A capital e região metropolitana têm sido atingidas por fortes chuvas nos últimos dias. Segundo o CGE, o solo encharcado aumenta o potencial para deslizamentos de terra nas áreas de encosta, além de alagamentos. Devido ao tempo fechado e chuvoso, a máxima alcança 24°C.

Mais chuvas para os paulistas

O CGE divulgou que o tempo segue instável no domingo (22). Pela manhã devem ocorrer períodos de melhoria com pequenas aberturas de sol. No entanto, áreas de instabilidade devem se formar e provocar pancadas de chuva acompanhadas de trovoadas e rajadas de vento à tarde. As chuvas persistem, mas com menor intensidade no período da noite. Mínima de 18°C ao amanhecer e máxima de 26°C à tarde.

Na segunda-feira (26), muitas nuvens e chuvas devem se concentrar entre a tarde e a noite. Há potencial para alagamentos e deslizamentos, segundo o CGE. Os termômetros oscilam entre 19°C e 26°C.

Afogamento

Ontem (20), uma pessoa morreu afogada durante a chuva na capital paulista. De acordo com o Corpo de Bombeiros, houve um chamado às 19h20 em Perdizes, zona oeste da cidade. A vítima estava presa sob um ônibus na rua Cardoso de Almeida. A morte foi constatada no local.

De acordo com a Defesa Civil, nos bairros Freguesia do Ó, Sé, Butantã e Pinheiros foram registrados pontos de alagamentos transitáveis. Na avenida 23 de Maio, o túnel do Anhangabaú ficou parcialmente alagado e permaneceu interditado temporariamente, informou o órgão.

Foram registrados, ainda, pelo menos dois pontos de alagamentos intransitáveis, na rua Teixeira Leite e na Marginal Pinheiros sentido Interlagos, perto da Ponte Ary Torres. A Defesa Civil ressalta que não houve, até o momento, registro de pessoas desalojadas, desabrigadas ou desaparecidas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos