Sábado de blocos nas ruas na cidade de São Paulo

Flávia Albuquerque - Repórter da Agência Brasil

O carnaval de rua em São Paulo começou neste sábado (18) e vai até 5 de março. Neste fim de semana 175 blocos vão desfilar pelas ruas da cidade. Ao todo serão 391 blocos, 28% a mais que em 2016. No Parque Ibirapuera, a folia foi garantida pelo Bicho Maluco Beleza, de Alceu Valença, que nasceu em São Paulo e desfila pelo terceiro ano na capital paulista.

Desfile do bloco Bicho Maluco Beleza,comandado por Alceu Valença, no Parque do IbirapueraRovena Rosa/Agência Brasil

Acompanhado por sua banda, naipe de metais e bateria com cerca de 20 integrantes, o cantor antecipa o carnaval de Pernambuco. A co-realização é da Pipoca.co e da Tropicana. "É gratificante ver o povo na rua cantando seus sucessos, milhares de sombrinhas de frevo agitadas no ar, uma explosão de alegria semelhante ao que acontece todos os anos em Pernambuco'' - disse o cantor Alceu Valença.

A diretora escolar, Renata Melice, de 49 anos, disse que adora carnaval de rua, esteve muitas vezes em Salvador e resolveu este ano aproveitar o carnaval em São Paulo. "Vim porque é Alceu Valença e achei que está super organizado, estou gostando muito". A sobrinha de Renata, Mariana Melice, de 28, anos, mora em Atibaia, e veio para São Paulo para aproveitar o carnaval de rua. "Esta é minha primeira vez no carnaval de rua em São Paulo, e eu quis começar com o bloco do Alceu para depois ir em outros".

O casal Gustavo Schineder, de 30 anos, e Sofia Saleme Flamingo, de 27 anos, participou do bloco pela segunda vez: "Esperamos o ano inteiro para vir de novo. No ano passado viajamos no carnaval,  fomos nos bloquinhos no pré-carnaval. A experiência foi muito boa. O bloco do Alceu Valença é bem animado, com música pernambucana e bem carnaval", disse. Para Sofia, o clima do bloco é gostoso, com a presença de famílias, todos e interessados em uma festa saudável. "É muito bom porque as pessoas são do bem".

Já na região da Avenida Paulista, o bloco Olha o Sucesso, formado por amigos pernambucanos, apaixonados pelo carnaval de Pernambuco, a festa começou por volta das 14h e terminou às 19h depois de desfilar por algumas ruas do Jardins. Um dos organizadores, Bartolomeu Cavalcanti, de 30 anos, disse que depois de seis anos morando em São Paulo e com saudade do carnaval pernambucano, resolveu juntar alguns amigos para criar o bloco, que já está no seu segundo carnaval.

Desfile do bloco Os Capoeira, liderado pelo mestre Dalua, mostra tradições afro-brasileiras, em frente ao Parque IbirapueraRovena Rosa/Agência Brasil

"Olha, o nome do bloco, Olha o Sucesso, é uma expressão do carnaval de Recife e Olinda, e só sabe o que quer dizer isso é quem já participou do carnaval de lá. É algo que os ambulantes vendem. Quisemos trazer um pouco da nossa cultura para São Paulo. O bloco é uma forma de matar a saudade daqueles que não vão poder voltar para o carnaval de lá. Temos elementos tradicionais da cultura pernambucana, incluindo a banda de metais sem som mecânico, a passista do frevo, o estandarte, o maracatu, a sombrinha de frevo".

Maria Júlia Menezes, de 25 anos, é mineira e mora em São Paulo há dois anos, disse que participou do carnaval de rua no ano passado, mas no Olha o Sucesso é a primeira vez. "Estou achando mega tradicional, e estava sentindo falta disso porque os outros blocos são mais comerciais. Eu curtia muito o carnaval no interior de Minas. Vale muito a pena vir neste bloco, ele é menos cheio e o clima é mais gostoso".

Também mineira, mariana de Rezende Garcia Neto, de 29 anos, vive em São Paulo há sete anos, e há cinco anos brinca carnaval na capital paulista. "Conheço este bloco desde o ano passado porque sou amiga dos organizadores, e já o acompanho desde a criação. Antes mesmo do bloco existir, eu já acompanhava a paixão deles pelo carnaval e pelo frevo. O bloco é muito bom e vai crescer a cada ano".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos