Rejunta meu Bulcão e Carnaviola abrem carnaval no Distrito Federal

Ivan Richard - Repórter da Agência Brasil

A primeira noite de carnaval em Brasília, nessa sexta-feira (24), deu uma mostra de que a folia na capital do país deve ser bastante agitada. Pouco antes das 20h, mais de mil pessoas lotavam a Praça dos Prazeres, no início da Asa Norte, no centro de Brasília, no bloco Rejunta meu Bulcão. O grupo homenageia o artista plástico Athos Bulcão, que trabalhou em parceria com Lúcio Costa e Oscar Niemeyer na criação da cidade.

A batida forte do maracatu deu o tom no início da folia candanga. Centenas de foliões foram ao bloco com fantasias, adereços para dançar ao som da Orquestra Alada Trovão da Mata.

"O brasiliense estava ansioso pelo carnaval", disse Juliana de Andrade, uma das organizadoras do bloco. "Brasília é uma cidade extremamente criativa, bem-humorada. E que legal as pessoas ocuparem as ruas com alegria, com arte e cultura".

Na Ceilândia, região administrativa do Distrito Federal, a cerca de 30 quilômetros da Esplanada do Ministério, os encantos do interior do país também animaram a festa na primeira edição do Carnaviola, bloco formado por violeiros tradicionais. Chapéu de coura, bota, fivela grande e a música caipira típica eram itens quase obrigatórios.

O aposentado José Piero, 59 anos, que há 40 vive em Brasília, pôs o chapéu de palha e a bota bico fico para começar o carnaval ao som das violas. "Não gosto do carnaval [tradicional]. Sou nordestino e gosto mesmo do som dos violeiros", disse animado. Com sotaque marcante, contou que vai aproveitar o feriado depois do Carnaviola para "ir pra roça". "A partir de amanhã [25], vou pescar".

Violeira e idealizadora do projeto, Karen Parreira disse que a ideia do bloco é oferecer uma opção diferente para a festa de momo àqueles que não se entusiasmam tanto com as batucadas. "Entre os 118 blocos de Brasília, estamos aqui. O nosso pessoal gosta mais da roça e estamos trazendo um pouco do clima da roça agora no carnaval", afirmou.

Além da música característica do interior, o folião do Carnaviola também aproveitou as comidas tradicionais, como galinhada, baião de dois e arroz carreteiro.

O carnaval na capital do país continua hoje (25), com a animação de quase 40 blocos em vários pontos do Distrito Federal. A folia começa agora de manhã e, apesar de oficialmente ter hora para terminar, deve entrar pela madrugada.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos