Prefeitura de SP diz que vai transferir carnaval de rua da Vila Madalena em 2018

Camila Boehm - Repórter da Agência Brasil

A prefeitura de São Paulo quer transferir, no ano que vem, o carnaval de rua da Vila Madalena, zona oeste da capital paulista, para "áreas mais amplas", segundo o prefeito João Doria. Ele alegou que a região não comporta a quantidade de pessoas que se reúne na região durante a folia carnavalesca. A declaração foi divulgada hoje (6) em evento de lançamento do programa Empreenda Fácil, na capital paulista.

"Não é razoável que um bairro residencial receba 250 mil pessoas e, considerando um crescimento exponencial que foi de mais de 150% este ano, se isso ocorrer novamente no ano que vem, nós teremos 400 mil pessoas dentro de um bairro residencial, não é razoável que isso aconteça", disse Doria. Segundo ele, a folia na Vila começou reunindo 70 mil pessoas.

Doria garante, no entanto, que a medida não vai impedir a realização do carnaval na cidade. "Ele continuará a crescer, só que de forma disciplinada, utilizando vias e espaços públicos que não comprometam o direito às pessoas que residem de chegarem às suas casas ou de saírem das suas casas". O prefeito não disse para onde o carnaval do bairro seria transferido.

O prefeito divulgou ainda que o carnaval paulistano reuniu mais de 1,5 milhão de pessoas, desde a semana anterior à festa oficial, chamada de pré-carnaval, até o último domingo (5). "Um número equivalente àquilo que Salvador, que tem o maior carnaval de rua do país apresenta. São Paulo já tem números quase próximos àqueles da capital da Bahia. Já superamos o Rio de Janeiro, embora não seja uma competição", disse.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos