Trabalhadores e estudantes protestam contra reforma da Previdência no Rio

Vladimir Platonow - Repórter da Agência Brasil

Trabalhadores e estudantes realizam hoje (15) um protesto contra reforma da Previdência proposta pelo governo federal, no centro do Rio. Os manifestantes, ligados a centrais sindicais, entidades estudantis e sindicatos de várias categorias contam com apoio de três carros de som.

Eles se concentraram na Igreja da Candelária e às 17h30 iniciaram caminhada até a Central do Brasil, pela Avenida Presidente Vargas, que teve todas as 16 faixas interditadas ao trânsito. O policiamento foi reforçado, mas os policiais militares ficaram reunidos apenas no entorno da manifestação.

Os manifestantes criticam principalmente a possibilidade de terem de contribuir para a Previdência por 49 anos para conseguirem direito à aposentadoria integral.

De acordo com o governo, o projeto de reforma visa garantir sustentabilidade à Previdência que, sem os ajustes, pode se tornar inviável dentro de algumas décadas e deixar os trabalhadores sem aposentadoria.

Sindicalistas rebatem essa possibilidade argumentando que a Previdência é superavitária.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos