Paulista terá ato político pelo 1º de Maio; shows serão na Praça da República

André Richter - Repórter da Agência Brasil

As manifestações pelo Dia do Trabalho na Avenida Paulista, em São Paulo, estão previstas para começar às 14h. No local, será realizado um ato político comandado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), e as apresentações culturais ocorrerão em seguida na Praça da República.

A programação foi definida ontem (30), após uma audiência de conciliação promovida pela Justiça, na qual a CUT aceitou que os shows em comemoração ao 1º de Maio não sejam realizados na Paulista. Na sexta-feira (29), o juiz Emanuel Brandão Filho havia expedido liminar proibindo a CUT de promover o ato na avenida e determinou multa de R$ 10 milhões caso a medida fosse desobedecida.

Conforme o acordo, celebrado pelo juiz plantonista Alexandre David Malfatti, a CUT poderá utilizar somente um carro de som estático na Paulista, nas proximidades da Rua da Consolação. Ao término da manifestação, os trabalhadores seguirão em passeata até o local dos shows. Estão previstas apresentações da cantora Leci Brandão e de MC Guimê.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos