Temer: reforma trabalhista trará "inúmeras vantagens" a quem não tinha direitos

Felipe Pontes - Repórter da Agência Brasil

O presidente Michel Temer diz que reforma trabalhista faz do 1º de Maio deste ano um momento históricoJosé Cruz/Agência Brasil

Em mensagem pelo Dia do Trabalho, divulgada por meio das redes sociais, o presidente Michel Temer disse que a reforma das leis trabalhistas que tramita no Congresso Nacional faz do 1º de Maio deste ano um "momento histórico".

Temer afirmou que a "modernização das leis trabalhistas" criará emprego para os jovens e concederá direitos a trabalhadores que antes não tinham, como os temporários. Ele destacou a proposta de que acordos negociados entre trabalhadores e patrões prevaleça sobre o que diz a lei, que consta no texto da reforma.

"Além de mais empregos, o resultado será mais harmonia na relação de trabalho, e, portanto, menos ações na Justiça", disse o presidente.

Temer destacou a queda da inflação, desde que assumiu o cargo, como elemento que demonstra a recuperação da economia, o que levará a uma redução do desemprego, que hoje atinge mais de 14 milhões de brasileiros, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

"É com trabalho que vamos vencer nossas dificuldades. Os resultados já começam a aparecer", disse o presidente. "Acredite no Brasil, acredite na força de cada um em transformar o nosso País", completou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos