PF investiga grupo que caçou 170 animais silvestres ilegalmente

Sumaia Villela - Correspondente da Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) desencadeou hoje (5) a operação Dia da Caça, para combater a caça ilegal de animais silvestres em cinco cidades dos estados de Pernambuco, Paraná, Santa Catarina e São Paulo. Segundo a corporação, o grupo investigado caçou pelo menos 170 bichos, inclusive de espécies em extinção.

Foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão e um mandado de condução coercitiva. Os alvos estavam nas cidades de Arcoverde (PE), Campo Largo (PR), Joinville (SC), Cruzeiro (SP) e Lorena (SP). A PF não divulgou qual a finalidade da caça e se os acusados tinha alguma relação entre si.

A investigação foi motivada por uma denúncia. O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) a confirmou ao constatar que pessoas postavam nas redes sociais vídeos e fotos de caça não autorizada. Os investigados responderão pode crimes de maus tratos, caça ilegal de animais e porte de arma de fogo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos