Inflação perde força em São Paulo ao atingir 0,58%

Marli Moreira - Repórter da Agência Brasil

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), na cidade de São Paulo, desacelerou na primeira quadrissemana de maio ao atingir variação de 0,58%, taxa 0,03 ponto percentual menor que a registrada no fechamento de abril (0,61%).

Cinco dos sete grupos pesquisados apresentaram perda de força, entre eles, habitação que passou de uma alta de 0,44% para 0,25%.

O grupo alimentação - que mais compromete o orçamento doméstico das famílias com renda entre um e dez salários mínimos - teve aumento médio de 1,08% ante uma elevação de 1,12% na última apuração.

Mais números da pesquisa

Em despesas pessoais, o índice subiu 0,43%, variação abaixo da alta registrada em abril, quando este grupo havia apresentado aumento de 0,48%. Em saúde, os reajustes também perderam força com a taxa passando de 1,66% para l,5% e, no grupo educação, houve desaceleração com o índice em 0,12% ante 0,18%.

Já em transportes, foi constatado avanço com o índice atingindo 0,55% ante 0,16%. E, no grupo vestuário, o resultado negativo da pesquisa passada (-0,02%) foi revertido para uma ligeira elevação de 0,04%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos