Sem-teto fecha linha da CPTM na zona leste de São Paulo

Marli Moreira - Repórter da Agência Brasil

Um grupo de manifestantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto obrigou a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) a paralisar a circulação de trens da Linha 12-Safira que faz o trajeto entre o Brás, na zona leste, e Calmon Viana, em Poá, na Grande São Paulo, às 7h50 da manhã de hoje (7). Em protesto contra a reintegração de posse de um terreno particular que fica entre as estações de Engenheiro Goulart e o Tatuapé os manifestantes invadiram a área restrita de circulação de trens e atearam fogo sobre os trilhos, usando madeiras e pneus. 

A Polícia Militar informou que o protesto refere-se a um terreno situado na Rua Curumá, em Cangaíba e que até por volta das 9h25 não havia registro de feridos. Segundo a CPTM, esta linha transporta, diariamente, cerca de 250 mil passageiros. Para atender aos usuários, foi acionado o Plano de Atendimento entre Empresas de Transporte em Situação de Emergência, da prefeitura, coordenado pela São Paulo Transportes que colocou à disposição 60 ônibus da empresa VIP Transportes, entre as estações Tatuapé e USP Leste.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos