Polícia Civil da Bahia investiga morte de cinco pessoas no sul do estado

Repórter Sayonara Moreno - Correspondente da Agência Brasil

A Polícia Civil da Bahia continua investigando os responsáveis pela morte de cinco pessoas, cujos corpos foram encontrados na tarde de ontem (25), na zona rural de Maiquinique, no sul do estado. Três corpos apresentavam marcas de tiros, os outros dois estavam carbonizados.

As investigações estão sob responsabilidade da Delegacia Territorial de Maiquinique, localizada a 630 quilômetros de Salvador, ligada à 21ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), em Itapetinga.

O coordenador e delegado titular, Irineu Andrade, disse à Agência Brasil que, após identificação de alguns corpos, os agentes descobriram que três deles possuíam suspeita de envolvimento com o tráfico de drogas. Por isso, as investigações seguem a linha de guerra pelo tráfico como principal motivo dos crimes. Além disso, foram encontradas cápsulas de munição de mais de um tipo de arma, o que levanta a suspeita de troca de tiros. 

"Não temos dúvida de que foi disputa de território pela guerra de tráfico, porque tudo indica que são pessoas ligadas ao crime. Um deles preso na semana passada numa operação de combate ao tráfico de drogas foi liberado após pagamento de fiança," disse o delegado Andrade.

De acordo com o delegado que acompanha as investigações, um dos corpos carbonizados foi identificado, o outro não possui elementos de identificação devido ao grau de carbonização. Entre os corpos com marcas de tiros, dois foram identificados, mas um deles ainda não tem indicação de nome, apesar de manter as características preservadas. Não há suspeitas da autoria dos crimes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos