Ação de zeladoria da prefeitura na Cracolândia termina em violência

Elaine Patricia Cruz - Repórter da Agência Brasil

Uma ação de zeladoria promovida pela prefeitura de São Paulo na região conhecida como Cracolândia, no centro da capital, terminou em confusão e violência no início da noite de hoje (31).

Segundo a Guarda Civil Metropolitana (GCM), a confusão teve início quando foi solicitado que os usuários de drogas da região retirassem as barracas das calçadas, o que teria levado os usuários a atearem fogo em materiais.

Já o movimento Craco Resiste, por meio das redes sociais, disse que a tropa de choque da GCM chegou ao local "com helicóptero e vários homens armados", oprimindo as pessoas que vivem no fluxo (região de maior concentração de usuários). O movimento disse que a GCM fez uso de gás lacrimogêneo na ação e que várias pessoas ficaram machucadas. "Chegaram batendo e jogando gás lacrimogêneo em pessoas que estavam deitadas e dormindo", disse o movimento no Facebook.

Procurada pela reportagem, a GCM não confirmou, até este momento, se houve feridos na ação. A Polícia Militar disse à Agência Brasil não ter participado da ação na Cracolândia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos