Produção de gás natural tem recorde de 115 milhões de metros cúbicos por dia

Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil

Produção de petróleo atingiu em julho 2,62 milhões de barris diários, uma redução de 1,9% em relação a junho; A de gás natural foi recorde: 115 milhões de metros cúbicos por dia    Arquivo Agência Brasil

A produção nacional de gás natural atingiu, em julho, o volume recorde de 115 milhões de metros cúbicos por dia (m3/d). O recorde anterior havia sido de 111,8 milhões de m3/d, registrados em dezembro do ano passado.

O dado foi divulgado hoje (4), no Rio de Janeiro, pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O volume é 3,5% maior que o observado no mês anterior e 7,3% superior ao de julho de 2016.

Produção de petróleo cai 1,9%

A produção de petróleo chegou a 2,62 milhões de barris por dia, uma redução de 1,9% em relação a junho. Apesar da queda mensal, a produção teve um aumento de 1,5% na comparação com julho do ano passado.

Considerando-se a soma da produção de gás e de petróleo, a produção nacional ficou em 3,346 milhões de barris de óleo equivalente (unidade de medida que transforma o volume de gás em barris e que se soma aos barris de petróleo) por dia.

A produção do pré-sal em julho atingiu 1,61 milhão de barris de óleo equivalente por dia, uma redução de 4,3% em relação a junho.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos