Operação devolve a estados de origem 160 que estavam em presídios federais

Ivan Richard Esposito - Repórter da Agência Brasil

Em operação articulada entre o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e os governos estaduais, 160 presos, a maioria ligada às facções criminosas Comando Vermelho (CV) e Primeiro Comando da Capital (PCC), que estavam em presídios federais foram transferidos ontem (30) e hoje (1°) para penintenciárias dos estados de origem, no Rio de Janeiro e de São Paulo.

Em nota, o Ministério da Justiça informou que a transferência dos presos visa "auxiliar as ações de segurança pública dos estados e os sistemas penitenciários [locais]".

Eles foram levados em avião da Força Aérea Brasileira (FAB), acompanhados por policiais e agentes penitenciários dos dois estados. "A operação permite integrar ações de segurança pública e justiça criminal", informa a nota do Ministério da Justiça.

De acordo com a pasta, a expectaticva é que a transferência para os estados de origem presos que aguardavam julgamento em unidades prisionais distantes de onde cometeram os crimes resulte em mais agilidade nos processos judiciais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos