Perseguição policial a criminosos deixa um morto e quatro feridos no Rio

Paulo Virgílio - Repórter da Agência Brasil

Um homem morreu e outras quatro pessoas ficaram feridas em consequência de um intenso tiroteio ocorrido na noite desse sábado (27) na Rua Conde de Bonfim, a principal do bairro da Tijuca, na zona norte do Rio. No momento da troca de tiros, tinha acabado de desfilar pelas ruas vizinhas o bloco Nem Muda nem Sai de Cima, o que levou ao pânico os foliões.

Em nota, a Polícia Militar afirmou que foi informada da perseguição a um carro na Rua Conde de Bonfim, e imediatamente policiais do 6º Batalhão tentaram interceptar o veículo.

Na altura da padaria Modelo, o carro dos criminosos bateu em outro. Ao desembarcarem para fazer a abordagem, um policial foi surpreendido pelos ocupantes de outros dois carros, que atiraram contra a guarnição.

Na troca de tiros, em plena via, um garçom que trabalhava no Bar do Pinto foi atingido por uma bala perdida e teve morte imediata.

Três policiais foram baleados, um deles atingido no tórax. Ele foi levado para o Hospital Federal do Andaraí. Um policial foi baleado na perna e no ombro e o outro ficou ferido por estilhaços. Uma mulher que estava no bar foi atingida em um dos braços e levada também para o Hospital da PM.

Durante a perseguição, um carro foi usado como escudo pelos criminosos e atingido por tiros de fuzil. As ocupantes, duas jovens, não sofreram ferimentos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos