Rio confirma mais dois óbitos por febre amarela no estado

Douglas Corrêa - Repórter da Agência Brasil

Sobe para 11 o número de mortes por febre amarela no estado do Rio, com mais dois óbitos confirmados nas últimas horas, um em Cantagalo e outro em Paraíba do Sul.

As outras mortes por febre amarela foram registradas nas cidades de Valença (4 óbitos), Teresópolis (2), além de Nova Friburgo (1), Miguel Pereira (1) e Rio das Flores (1).

A Subsecretaria de Vigilância em Saúde da Secretaria de Estado de Saúde informa que do início do ano até hoje, foram registrados 32 casos da febre amarela silvestre em humanos no estado.

A secretaria lembra que a doença é transmitida pelo mosquito e não por macacos, que são apenas hospedeiros do vírus, e faz um apelo à população: que quem encontrar macacos mortos ou doentes, que apresentem comportamento anormal, como movimentos lentos e afastados do grupo que informem o mais rápido possível às autoridades de saúde.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos