Rússia, Irã e Turquia iniciam cúpula sobre futuro da Síria

Da Agência EFE*

Os presidentes de Rússia, Irã e Turquia iniciaram nesta quarta-feira em Ancara uma cúpula para encontrar uma solução para a guerra civil na Síria. A reunião entre o líder turco, Recep Tayyip Erdogan; o russo, Vladimir Putin, e o iraniano, Hassan Rohani, é realizada no palácio presidencial de Ancara.

Erdogan e Rohani tiveram reunião bilateral nesta manhã, após a qual deram início à cúpula com Putin, que já tinha se reunido com Erdogan ontem durante várias horas para revisar a cooperação econômica e energética entre ambos os países.

Após o almoço de trabalho, que começará às 12h GMT (9h em Brasília), está previsto um encontro com a imprensa, embora se espera que os líderes apenas leiam um comunicado.

A cúpula, que faz parte do processo de paz iniciado em Astana (Cazaquistão) e Sochi (Rússia), deve se concentrar nas "zonas de distensão" estipuladas pelos três países para conseguir uma solução política para o conflito.

Putin e Rohani são aliados do governo de Bashar al Assad, enquanto a Turquia apoia várias milícias islâmicas que lutam contra o regime sírio.

No entanto, a colaboração de tropas russas e turcas já permitiu "certo êxito" na hora de "evitar mortes de civis", afirmou Erdogan ontem.

Putin adiantou que esta colaboração será reforçada, algo que deve se concretizar durante a cúpula de hoje, dado que uma das armas do regime sírio para combater os rebeldes são milícias vinculadas ao Irã.

* É proibida a reprodução total ou parcial desse material. Direitos Reservados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos