Após paralisação, prefeitura suspende restrição de caminhões em São Paulo

  • Adriano Vizoni/Folhapress

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, anunciou neste domingo (3) que as restrições de circulação de caminhões estão suspensas no município nesta semana. A medida visa a intensificar o reabastecimento de alimentos e outros insumos após a paralisação dos caminhoneiros.

A cidade proíbe, normalmente, o trânsito de caminhões das 5h às 21h de segunda a sexta-feira, e aos sábados das 10h às 14h, no minianel viário e em todo o centro expandido. Com a liberação, os caminhões poderão circular nessas regiões durante esses períodos, o que pode aumentar o congestionamento.

"A gente avaliou, mas a questão do trânsito é um mal menor em relação ao problema de falta de abastecimento que a cidade ainda passa. Tenho certeza de que a gente vai aguentar mais essa semana, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego( vai fazer um esforço para orientar melhor. Mas é um mal necessário", declarou o prefeito.

O cancelamento das restrições vale até sábado (9). A autorização para a circulação de caminhões de combustíveis e derivados, com até três eixos traseiros, está mantida em horário integral para os próximos 60 dias. O rodízio de veículos de passeio volta a valer a partir de amanhã (4).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos