PUBLICIDADE
Topo

Salles manifesta solidariedade por morte de piloto do Ibama

1.dez.2020 - Helicópetero do Ibama caiu no Panatanal. O coronel do Corpo de Bombeiros do Pará, Mauro Tadeu, que pilotava a aeronave no momento, não resistiu e morreu no local - Ciopaer
1.dez.2020 - Helicópetero do Ibama caiu no Panatanal. O coronel do Corpo de Bombeiros do Pará, Mauro Tadeu, que pilotava a aeronave no momento, não resistiu e morreu no local Imagem: Ciopaer

01/12/2020 13h18

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, manifestou hoje solidariedade pela morte do comandante Mauro Tadeu da Silva Oliveira, ocorrida ontem em um acidente com o helicóptero do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). A aeronave caiu quando sobrevoava o Parque Nacional do Pantanal Mato-grossense, em operação de combate aos incêndios florestais. O piloto estava sozinho.

"Transmito à família e amigos do comandante Mauro Tadeu da Silva Oliveira sentimentos de pesar e nossas orações. Faleceu em acidente com helicóptero do Ibama, no cumprimento da brava missão de combate aos incêndios florestais no Parque Nacional do Pantanal Mato-grossense", escreveu Salles, em mensagem nas redes sociais.

Em nota, o Ibama informou que Mauro tinha 54 anos e era coronel da reserva do Corpo de Bombeiros. "Era um piloto extremamente habilidoso e dedicado, há mais de 15 anos, à atuação na aviação civil, com mais de 5 mil horas de voo. O comandante deixa um legado de grandes serviços aeronáuticos à Nação. Nossa solidariedade à esposa, filhos, família e amigos", diz a nota.