Mais Médicos tem 33 mil inscritos; 10,4 profissionais por vaga

O novo edital do Programa Mais Médicos registrou 33 mil inscrições para concorrer a mais de 3,1 mil vagas - uma média de 10,4 profissionais por vaga. Os números foram divulgados nesta quinta-feira (11) pelo Ministério da Saúde.

Em nota, a pasta avaliou a adesão como "recorde de candidatos" e destacou novidades no edital, como vagas, no regime de cotas, para pessoas com deficiência e grupos étnico-raciais (negros, quilombolas e indígenas).

Notícias relacionadas:

O balanço mostra que as chamadas vagas afirmativas do Mais Médicos receberam um total de 3,1 mil inscrições, sendo 2,6 mil negros, 34 quilombolas, 70 indígenas e 382 pessoas com deficiência.

Do total geral de inscrições para o programa, 18,7 mil são mulheres - cerca de 57%. A pasta divulgou ainda o total de inscrições por tipo de perfil profissional:

- médicos formados em instituições de educação superior brasileiras ou com diploma revalidado no pais com registro no CRM: 15.699;

- médicos brasileiros com habilitação para exercício da medicina no exterior: 13.467;

- médicos estrangeiros com habilitação para exercício de medicina no exterior: 3.848.

Entenda

Podem participar da seleção do Mais Médicos profissionais brasileiros, brasileiros formados no exterior ou estrangeiros, que continuarão atuando com Registro do Ministério da Saúde (RMS). Médicos brasileiros formados no Brasil continuam a ter preferência no processo seletivo.

Continua após a publicidade

Para grupos étnico-raciais, serão ofertadas 20% das vagas, priorizadas da seguinte forma:

- para municípios que têm 2 vagas: 50%

- para municípios que têm entre 3 a 10 vagas: 20%

- para municípios que têm mais de 10 vagas: 20%

Deixe seu comentário

Só para assinantes