Estudantes protestam contra tarifa de ônibus em Espírito Santo e Piauí

Em São Paulo

Estudantes dos Estados do Piauí e do Espírito Santo realizaram protestos na noite de ontem e na manhã de hoje contra o aumento nas passagens de ônibus municipais. Na manhã de hoje, por volta das 7 horas, cerca de 100 estudantes se concentraram em frente ao Palácio Anchieta, no centro de Vitória. Segundo a Polícia Militar, os manifestantes bloquearam as avenidas Getúlio Vargas e a Princesa Isabel, impedindo o fluxo de veículos.

Além do bloqueio, os manifestantes, usando faixas e cartazes e com gritos de ordem, atearam fogo em um ônibus e em alguns cones usados para a sinalização do trânsito. Os jovens querem a redução imediata das tarifas de ônibus da Grande Vitória.

Segundo a Polícia Militar, ninguém ficou ferido e não houve prisão durante o protesto. Uma outra manifestação contra o aumento aconteceu na última segunda-feira, mas foi pacífico, segundo a PM.

Piauí

Em Teresina, estudantes entraram em confronto com policiais militares na tarde de ontem, também contra o aumento das passagens. A tropa de choque foi chamada e houve muita confusão. Segundo a Polícia Militar, os manifestantes interditaram a Avenida Frei Serafim, principal corredor dos coletivos da cidade, impedindo a circulação dos ônibus.

Alguns coletivos foram depredados, deixando passageiros feridos, e um ônibus foi incendiado. Para dispersar os manifestantes, a polícia usou balas de borracha e bombas de efeito moral. Ao menos 17 manifestantes foram detidos para prestar depoimentos. Os estudantes não concordam com o reajuste no preço da passagem de ônibus, que passou de R$ 1,90 para R$ 2,10.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos