Chuva deixa municípios localizados na região serrana do Rio em constante alerta

Rio - Os municípios localizados na região serrana do Rio de Janeiro continuam em alerta nesta quarta-feira, 20, por causa das chuvas que atingem o estado desde a última sexta-feira, 15. Não há registros de vítimas fatais nem de feridos. A Prefeitura de Petrópolis decretou situação de emergência na cidade na noite de terça-feira, 19. Já são 610 ocorrências de deslizamentos, inundações e alagamentos registradas pela Secretaria de Proteção e Defesa Civil em 96 horas.

A previsão é que as chuvas continuem até domingo, o que significaria a continuidade do crescimento do número de ocorrências. Já são 273 pessoas desalojadas (78 famílias) de suas casas e encaminhadas para outros lugares e 65 imóveis interditados pela Defesa Civil. A região mais prejudicada é o distrito de Pedro do Rio. O prefeito Rubens Bomtempo (PSB) anunciou ter depositado R$ 140 mil para a compra de colchonetes, cestas básicas, água, materiais de higiene e limpeza para os desalojados.

Na cidade de Paraíba do Sul (divisa com o sul de Minas Gerais), onde foi declarado estado de calamidade pública, a prefeitura anunciou que destinará R$ 500 mil que seriam gastos no carnaval e em eventos ao longo deste ano, cancelados por causa das chuvas, para o pagamento de ajuda de custo às famílias afetadas.

Segundo a prefeitura, também haverá a isenção do Imposto Predial e Terriotiral Urbano (IPTU) deste ano para os prejudicados pela chuva.

A Prefeitura de Paraíba do Sul anunciou que este é "o pior desastre ambiental de sua história", com a enchente do Rio Paraíba do Sul e do Ribeirão do Luca. Nove bairros foram atingidos e mais de mil famílias afetadas, sendo que 917 desalojadas (obrigadas a abandonar suas habitações, mas que não precisam de abrigos da prefeitura) e 112 desabrigadas (precisaram ir para moradias improvisadas pelo município).

A cidade de Nova Friburgo, também na região serrana, está em estágio de atenção. A previsão para os próximos dias é de chuva moderada. Já são 16 pessoas desabrigadas. A Defesa Civil registrou 23 ocorrências. Dez interdições de imóveis foram efetuadas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos