Pezão anunciará cortes nas despesas do Rio na próxima segunda

Brasília - Com a crise nas contas públicas do Rio de Janeiro e após um déficit de R$ 16,8 bilhões no ano passado, o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, afirmou nesta terça, 26, que anunciará cortes nas despesas do Estado na próxima segunda-feira (1º) e que a saúde já perdeu R$ 1,2 bilhão.

Após reunião com o ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, para quem apresentou um balanço das contas do Estado, Pezão afirmou que o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, irá assumir dois hospitais e um montante de R$ 500 milhões, que deixarão de fazer parte das contas do Estado.

Para ele, o Estado está fazendo sua parte, mas não tem como cortar mais. "Nós já voltamos aos níveis de custeio de 2009", disse.

Sobre o decreto que regulamentou a mudança dos indexadores das dívidas com a União, Pezão afirmou que a alteração ajuda o Estado, mas que não atende o Rio de Janeiro assim como outros estados. "Nos ajuda, mas não é o suficiente para resolver o problema estrutural do nosso déficit", destacou.

De acordo com Pezão, durante o encontro, ele apresentou os números e dificuldades de 2016, mas afirmou estar animado. "Estamos vendo as perspectivas para sair dessa dificuldade", disse ao deixar o encontro.

Entre as medidas de curto prazo que podem ser negociadas diretamente com o executivo e que o Estado está pleiteando, Pezão ressaltou o adiantamento de royalties do petróleo para o pagamento de despesas. "O ministro disse que vai analisar nosso pleito com muito carinho e rapidez ", afirmou.

Sobre o não pagamento dos servidores do judiciário no dia 30, como exige o Supremo Tribunal Federal, o governador afirmou não ter recursos e frisou que o pagamento dos servidores do Estado é no 7º dia útil do mês. "Se eles querem antes, podem me emprestar, pagar no dia 30 e eu pago depois, só estou pedindo solidariedade, o Estado tem dificuldades", afirmou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos