Prefeitura do Rio admite transtornos enfretados por turistas no Píer Mauá

Rio - A Prefeitura do Rio reconheceu neste domingo (7), em nota, os transtornos que marcaram o trânsito de turistas pelo Píer Mauá e suas proximidades. Mas afirmou que tentou reduzi-los. O município argumentou ainda que o carnaval é marcado pela grande quantidade de turistas atraídos pelos desfiles, blocos e bailes do Rio de Janeiro. Para que a festa seja realizada, continuou, há necessidade de fechar e alterar o sentido de vias para a passagem de carros alegóricos e garantir a segurança dos blocos. "Com as intervenções e alterações viárias, não há dúvidas de que há impactos para o turista que vem ao Rio para o carnaval", informou.

No comunicado, a Prefeitura disse que a operação especial para atender à demanda da alta temporada de cruzeiros no carnaval foi "minuciosamente planejada" para minimizar transtornos com as intervenções do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) e do Porto Maravilha, hoje em andamento.

Segundo a Prefeitura, o embarque e o desembarque são permitidos apenas pela Avenida Barão de Tefé, na entrada no galpão em que os passageiros utilizam ônibus e táxis credenciados. "Naquele ponto das obras, há passagem em concreto com sinalização e cerca de proteção. Não é permitido passar por áreas não sinalizadas ou desprotegidas. Passageiros também não podem embarcar com malas na Praça Mauá porque não há passagem naquele ponto", completou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos