Lula: Dilma precisa de nós para sobreviver aos ataques que está sofrendo

Rio - Na festa de 36 anos do PT, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu a presidente Dilma Rousseff e fez um apelo para que o partido a ajude a governar, deixando de lado as divergências.

"Queria fazer um apelo porque a companheira Dilma, sozinha, não terá força para resolver esse problema", disse Lula, numa referência à crise. "Dilma precisa de nós para sobreviver aos ataques que está sofrendo. Não pode, num momento de crise, virar as costas e falar que o problema não é meu. Esse governo é nosso e temos de ter responsabilidade de ajudar, de discutir saídas".

Embora houvesse na plateia uma faixa com a inscrição "Dilma, chega de ajuste fiscal e superávit!", quando Lula pediu ajuda à presidente a plateia gritou várias vezes "Não vai ter golpe".

Para o ex-presidente, o PT não precisa concordar com tudo o que Dilma faz, mas, mesmo assim, deve ajudar o governo a superar a crise. "Nós temos que saber é que estamos juntos. Isso é igual a casamento. Ela pode brigar com você, mas você é marido dela", comparou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos