Piloto erra manobra e jatinho atola em Congonhas

São Paulo - Após um erro de manobra do piloto, uma aeronave de pequeno porte ficou atolada em um gramado na área da pista do Aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista, por cerca de duas horas e meia. A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) afirmou que as operações de pouso e decolagem não foram afetadas.

O piloto do jatinho Cessna 560 havia saído do hangar e fazia taxiamento, preparando-se para decolar, quando efetuou uma manobra incorreta, por volta das 11h10. Uma das rodas do avião passou, então, por cima do gramado e ficou presa. Chovia no momento do incidente.

O Corpo de Bombeiros foi chamado para auxiliar no resgate. Às 13h45, o avião foi desatolado. A aeronave não atrapalhou as operações porque ainda estava na área destinada ao taxiamento e não havia entrado na pista de pouso e decolagem.

A aeronave é de propriedade da empresa de serviços comerciais Copper Trading S.A, com sede em Vitória, no Espírito Santo. De acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a situação do jatinho é regular.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos