Em áudio, Lula diz que 'peões' aguardariam 'coxinhas' para dar porrada no domingo

São Paulo - Em conversa interceptada pela Polícia Federal, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse ao irmão Vavá que um grupo de "peões" estaria a postos no domingo último para "bater nos coxinhas" que fossem protestar em frente a sua casa em São Bernardo do Campo (SP). "Domingo eu vou ficar um pouco escondido porque vai ter um monte de peão na porta de casa para bater nos coxinhas. Se os coxinhas aparecerem vão tomar tanta porrada que eles nem sabem o que vai acontecer", afirmou Lula.

Coxinha é como os petistas apelidaram os manifestantes de classe média e classe média alta que defendem a saída da presidente Dilma Rousseff. No último domingo, milhões de manifestantes foram às ruas para pedir o impeachment de Dilma e a prisão de Lula, investigado pela Operação Lava Jato por suspeita de receber dinheiro ilegal de empreiteiras. Parte protestou no prédio de Lula em São Bernardo. Não houve registro de confronto.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos