PSDB confirma segundo turno de prévias em SP apenas com candidato João Dória

  • Joel Silva/ Folhapress

    João Dória é agora único pré-candidato do PSDB à prefeitura de SP

    João Dória é agora único pré-candidato do PSDB à prefeitura de SP

O diretório estadual do PSDB divulgou nota na noite desta sexta-feira (18), confirmando que o segundo turno das prévias do partido para a prefeitura de São Paulo, no próximo domingo, acontecerá apenas com o pré-candidato João Dória, após a decisão nesta manhã do vereador Andrea Matarazzo de se desfiliar.

A nota afirma que o deputado federal Ricardo Trípoli, que tinha ficado em terceiro lugar no primeiro turno das prévias, não demonstrou interesse em participar da disputa. "Dessa forma, no domingo, dia 20, as urnas terão três possibilidades de voto: João Dória, branco e nulo", diz a nota, assinada pelo vereador Mario Covas Neto, presidente do diretório.

A decisão de Matarazzo foi tomada depois que o diretório estadual do PSDB reverteu, ontem, o adiamento do segundo turno das prévias. O pedido de adiamento tinha sido feito por Matarazzo, que acusava seu adversário, o empresário João Doria, de compra de votos e abuso do poder econômico no primeiro turno. Doria obteve 43,13% dos votos, contra 32,89% de Matarazzo.

O vereador deixou aberta a possibilidade de se filiar ao PSD, partido que é comandado pelo seu amigo e aliado Gilberto Kassab, ministro das Cidades.

Serra lamenta, mas diz entender

O senador tucano José Serra afirmou que lamenta a saída do governador Andrea Matarazzo do PSDB. "Fiquei muitíssimo triste com a decisão do Andrea. É um grande quadro com uma longa folha de serviços prestados ao País. Lamento muito, mas entendo as razões dele."

Nos bastidores do PSDB, Serra é apontado como um dos motivos da saída de Matarazzo, de quem é uma espécie de padrinho político, do partido. Pelo fato de o vereador ter o apoio de Serra, o governador Geraldo Alckmin decidiu lançar o empresário João Doria como pré-candidato em busca de marcar uma posição em relação à eleição presidencial de 2018.

Apesar de negarem publicamente, Alckmin e Serra alimentam o sonho de concorrer novamente ao Planalto.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos